PGM #264: Entrevista com padre da Congregação Missionários do Sagrado Coração MSC



Bloco 1:

Bloco 2:

Destaques da Semana:

1- Abertura:

Dois fatos políticos marcaram esta semana: A decisão de Lula, preso político em Curitiba, de abrir mão de sua candidatura em favor de seu vice Fernando Addad no início da semana e a pesquisa Vox Populi na quinta feira que aponta a subida de Addad para a liderança nas intenções de voto, tanto em primeiro quanto em segundo turno.

2- Resenha: No processo eleitoral que estamos vivendo esta semana foi recheada de surpresas, senão vejamos: A semana iniciou sob o impacto do atentado à faca sofrido pelo candidato Bolsonaro em minas Gerais e que continua internado em hospital em São Paulo; em seguida sai da chapa em que concorreria às eleições de outubro e favor de seu vice Addad. Ato contínuo, na quinta feira sai pesquisa do Vox Populi sobre a Campanha para Presidente e Addad já lidera em todas as simulações de 1º e 2º turnos, enquanto que os partidos alinhados com o golpe de 2016 e com o Governo Temer continuam minguando nas intenções de voto.

Aqui no RS continuam chegando levas de venezuelanos trazidos de Roraima pelo Governo Federal para diminuir a situação de caos vivida naquele Estado.

3- Música: Baile Furado Folclore açoriano.

4- Entrevista: Hoje vamos conversar com Valentin Fagundes de Meneses que é padre da Congregação Missionários do Sagrado Coração MSC, tem 65 anos, nasceu na Ilha Terceira, Açores mas veio ainda menino para o Rio de Janeiro. É formado em Filosofia, Teologia e é Mestre em Espiritualidade. Na entrevista ele nos fala de sua vida, da migração de sua família para o Brasil, de sua vocação e do seu trabalho como religioso e padre no Brasil e no Mundo.