Campesinato celebra suas sementes em Encruzilhada do Sul

29 de agosto de 2019

 

Segunda edição da Feira das Sementes Crioulas aconte no próximo dia 11 de setembro

 

O Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) e a Cooperativa Mista dos Fumicultores do Brasil (Cooperfumos) esão divulgando a programação da segunda edição da Feira de Sementes Crioulas em Encruzilhada do Sul a. O evento, que ganha status de celebração para a classe camponesa, está marcado para o dia 11 de setembro, no CTG Sinuelo da Liberdade. Atividades de formação, informação e integração estão no programa, que contará ainda com amostra e partilha de sementes crioulas, rodadas de conversa, feira agroecológica com feirantes de toda região e apresentações culturais.

A abertura do evento se dará ã partir das 9 horas, logo após sendo realizado o seminário “Comer é um ato político”. Na parte da tarde uma série de oficinas focarão temas que vão do espaço acadêmico à valorização dos saberes tradicionais como: Utilização de Variedades Crioulas na alimentação humana; Ervas Medicinais; Medicina Veterinária Alternativa; Teatro como ferramenta de Luta; Secagem e armazenagem de sementes; Monitoramento da contaminação de transgênicos em variedades de milho Crioulo. Durante todo o dia acontece a feira de sementes e, após as oficinas, o momento de partilha e troca.

Tendo como lema “Agricultura camponesa produzindo alimentos saudáveis: da mão do camponês à mesa do trabalhador urbano”, o evento conta ainda com o apoio e participação da Embrapa Clima Temperado, Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, Governo Federal, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Emater/ASCAR, Governo do Estado, Prefeitura Municipal de Encruzilhada do Sul, Secretaria Municipal da Agropecuária, Cooperativa Mista de Produção e Comercialização Camponesa (CPC), Cooperativa de Prestação de Serviços, Assistência técnica e Educação Rural (Coopsat), Instituto Cultural Padre Josimo (ICPJ) e Movimento das Mulheres Camponesas (MMC).

Caravana:
Já está na região, realizando intervenções visando despertar diversos públicos – em especial à juventude – a Caravana Nacional de Luta Camponesa Alexina Crespo, mantida pelo MPA. Formada por jovens integrantes da base do movimento, realiza um trabalho constante voltado à formação e partilha de saberes a partir da ação cultural, convertendo o teatro, a música, a poesia e a ludicidade em instrumentos de luta social.

Serviço:
Informações e reserva de almoço (por adesão) pelo telefone (53) 999950303. Aos clientes da feira agroecológica os organizadores sugerem trazer consigo sacolas retornáveis ou similares para acondicionar os produtos adquiridos, para evitar o descarte de plásticos na natureza.