Revista de Rádio Nº 393 - 25 de fevereiro de 2021



Bloco 1:

Bloco 2:

INSTITUTO CULTURAL PADRE JOSIMO 

PROGRAMA REVISTA DE RÁDIO

Produção e apresentação: Frei João Osmar

393º programa: 25 de fevereiro de 2021:

1- Resenha: Hoje vamos conversar sobre um tema que é fundamental em nossas vidas de cidadãos e cidadãs brasileiros/as, que é a tributação, isto é, quem paga imposto em nosso país e quem deveria pagar. É isto mesmo, no Brasil quem paga mais imposto proporcionalmente aos seus rendimentos são os mais pobres, os ricos pagam pouco imposto e os super ricos não pagam quase nada. Temos no Brasil o Instituto Justiça Fiscal – IJF que trabalha campanhas de conscientização no sentido de que sejam criadas leis e regulações para que o Estado brasileiro posso tributar o super ricos e as grandes fortunas, pois agora que estamos vivendo a violenta crise decorrente da pandemia provocada pelo Covid19 fala-se muito que não se tem recursos para a compra e a aplicação das vacinas na população, bem como para reforçar o Sistema de Saúde nacional. Há pouco tempo atrás ouvíamos falar da crise de saúde e sanitária em Manaus, porém, agora a crise está aqui no nosso meio, no nosso lado, pois o RS e Santa Catarina estão à beira do colapso hospitalar. E isto é muito grave! A seguir vamos ouvir um spot de rádio do Instituto Justiça Fiscal sobre a taxação das grandes fortunas. Agora vamos ouvir a música Negra Mariama com o Grupo PJ e Raiz e na sequência o testemunho da Reverenda Lilian.

2- Entrevista: Hoje vamos ouvir o testemunho de Lilian Conceição da Silva, que é teóloga feiminita negra e Reverenda da Igreja Episcopal Anglicana no Brasil. Lilian nasceu em Recife, Pernambuco, mas já exerceu seu ministério pastoral em diversas regiões do Brasil. Teóloga de formação com doutorado em teologia, pós-doutora em Culturas e Identidades. atua junto à Rede de Mulheres Negras de Pernambuco e ao CECUNE no RS. No seu testemunho ela nos conta um pouco de sua vida, sua vocação ao Ministério Pastoral, bem como sobre o enfrentamento da pandemia, deixando no final uma mensagem de esperança a partir de seu lugar de fala: mulher negra nordestina e teóloga feminista.

3- Música: Negra Mariama com o Grupo PJ e Raiz;

4- Foto da internet: Reverenda Lilian, ao alto na foto.